Começo agora algumas postagens sobre tribos urbanas, com trechos de um trabalho que fiz para a matéria de Sociologia na minha graduação:

 

Neotribalismo e o Conflito Punk-Skinhead

A Pós-Modernidade traz consigo uma revolução cultural e social que, aparentemente original, resgata estruturas presentes no inconsciente coletivo. Uma destas, fruto da saturação do individualismo e da ineficácia das instituições em que a sociedade está baseada é o Neotribalismo.

Os jovens passaram, desde a década de 60, a apresentar uma forte tendência de unirem-se em grupos afinitários, e caminharem com seus anseios e alegrias sempre ao lado dos seus escolhidos parceiros.

Em toda sociedade, e também nas instituições onde se ressalta a liberdade, é comum vermos a formação de microgrupos, e seu crescimento instantâneo, favorecendo as relações, mas também dificultando o diálogo entre as tribos quando se ressaltam as diferenças de modo excludente.

É neste cenário social que se desenvolve este trabalho, no intuito de ampliar nosso panorama contemporâneo das relações humanas e ajudar-nos a lidar beneficamente com a “nebulosa afetual” que nos deixou de presente o Individualismo moderno.

continua no próximo post

Anúncios